Blackbird

 (marimba solo/solo marimba)


Obra baseada num verso de J. R. R. Tolkien que se encontra no Livro Vermelho sendo a autoria deste atribuída a Bilbo Baggins. A ideia conceptual consiste em musicar o verso de acordo com os pressupostos do contraponto renascentista, realizando assim uma suposta contextualização histórica dos dois mundos. Ainda assim a obra permanece instrumental.


Quando o Inverno começa a morder

O vento tanto fazia girar um galo dum cata-vento,
Que ele não podia segurar o rabo pra cima;
A geada tanto enregelou o galispo-tordo,
Que ele não conseguia apanhar um caracol.
“O meu caso é grave”, gritou o tordo.
E: “Tudo é vão”, respondeu o galo;
E, assim, ambos soltaram o seu lamento.

J. R. R. Tolkien

Continue reading “Blackbird”

Morning Tango

(saxofone soprano, acordeão, contrabaixo e bateria/soprano saxophone, accordion, double bass & drum set)


também disponível para/also available to:
flauta, clarinete, violino, violoncelo e piano/flute, clarinet, violin, cello & piano
saxofone soprano e electrónica/soprano saxophone & electronics
marimba e electrónica/marimba & electronics
clarinete e electrónica/clarinet & electronics
ensemble de madeiras/woodwind ensemble
quarteto de saxofones/saxophone quartet
quarteto de clarinetes/clarinet quartet
quarteto de cordas/string quartet
acordeão solo/solo accordion
pt

Trata-se de uma peça de carácter vigoroso como é próprio do tango em geral. O tema principal está sempre presente ao longo de toda a peça. Após uma pequena introdução, a secção inicial apresenta o tema na sua forma menos vigorosa, logo seguida de uma segunda apresentação em contraponto. Na secção central o tema é tratado sobre um ponto de vista da improvisação. A última secção apresenta o tema, tal como o pensei e escrevi pela primeira vez. Após um corte súbito a peça termina com um gesto singular no discurso.

Continue reading “Morning Tango”