O Compositor da Era Digital – da prática à pedagogia

As práticas e competências do compositor do séc. XXI, vão muito além da composição propriamente dita, em grande parte devido ao desenvolvimento tecnológico cada vez mais enraizado na sociedade atual. Talvez pelas mesmas razões, a criação musical tem evoluído ao longo dos últimos anos apontando cada vez mais para uma perspetiva de multiplicidade. Estes e outros aspetos fazem com que o próprio conceito de compositor, não seja estanque. Atualmente o compositor vê-se obrigado “reinventar-se” à medida do que lhe é “exigido”.