Canções da Terra

pt
É uma coletânea de dez pequenas canções tradicionais portuguesas, para coro (SATB). Procuram transmitir a sua modernidade intrínseca, através de novas abordagens musicais, sendo aqui colocadas numa contemporaneidade, com o intuito de promover a identidade cultural Portuguesa.

en
Is a collection of ten small traditional Portuguese songs, for choir (SATB). They seek to transmit their intrinsic modernity, through new musical approaches, being placed here in a contemporary, with the aim of promoting Portuguese cultural identity.

pt
É uma coletânea de dez pequenas canções tradicionais portuguesas, para coro (SATB). Procuram transmitir a sua modernidade intrínseca, através de novas abordagens musicais, sendo aqui colocadas numa contemporaneidade, com o intuito de promover a identidade cultural Portuguesa.


en
Is a collection of ten small traditional Portuguese songs, for choir (SATB). They seek to transmit their intrinsic modernity, through new musical approaches, being placed here in a contemporary, with the aim of promoting Portuguese cultural identity.


canções/songs

ERA AINDA PEQUENINA (pt) Cantiga de adufe, da região de Idanha a Nova, Castelo Branco. (en) A song from the region of Idanha to Nova, Castelo Branco.

LÁ EM BAIXO VEM O ENTRUDO (pt) Canção típica do enterro do entrudo, que se fazia ouvir na terça-feira de carnaval, sendo esta versão oriunda da região de Malpica do Tejo, Castelo Branco. (en) A typical song chanted in the carnival, this version is from the region of Malpica do Tejo, Castelo Branco.

LÁ VAI O COMBOIO, LÁ VAI (pt) Canção oriunda da região de Beja, que se popularizou bastante, nos meios urbanos. (en) A song from the region of Beja, which became popular in urban areas.

MAÇADEIRAS DO MEU LINHO (pt) Canto entoado outrora pelas mulheres ao maçar o linho, sendo esta versão oriunda da região de São Pedro do Sul, Viseu. (en) A song that was chanted by women in linen fields, this version is from the region of São Pedro do Sul, Viseu.

MEU LÍRIO ROXO DO CAMPO (pt) Canção muito popular no Baixo Alentejo, da qual existem diversas variantes, sendo esta versão oriunda da região de Beja. (en) A very popular song in Baixo Alentejo, of which there are several variants, this version is from the region of Beja.

NÃO QUERO QUE VÁS À MONDA (pt) Uma das canções e corais mais comuns em todo o Baixo Alentejo, registada no “Cancioneiro de Serpa”. (en) One of the most common songs and corals throughout the Baixo Alentejo, recorded in the “Cancioneiro de Serpa”.

Ó MALÃO TRISTE MALHÃO (pt) Uma das canções populares portuguesas com mais variantes e versões, sendo esta versão oriunda da região de Coimbra. (en) One of the popular Portuguese songs with more variants and versions, this version is from the region of Coimbra.

O MILHO DA NOSSA TERRA (pt) Canção de trabalho associada à colheita do milho, oriunda da região do Fundão, Castelo Branco. (en) Song of work associated to the corn harvest, this version is from the region of Fundão, Castelo Branco.

SENHORA DO ALMURTÃO (pt) Canção de Romaria muito conhecida oriunda de Idanha a Nova, Castelo Branco. (en) Song form Idanha a Nova, Castelo Branco.

VÓS CHAMAIS-ME MORENINHA (pt) Cantiga da maçadela do linho, acompanhada pelo ritmo do maço, oriunda da região de Almeida, Guarda. (en) A song that was chanted by women in linen fields, this version is from the region of Almeida, Guarda.

Comentários/Comments

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s