O “Show”

Galifões e outros bichos,
muitos para encher chouriços,
fazem fila à entrada.

Alguns não, vêm na confusão,
mas todos de faca afiada,
e prontos para a debandada.

Podiam ser uma manada,
se não fossem tão espartanos, ou,
seres humanos.

Agora que olho bem,
são todos bichos, galifões, “à la carte”,
senhores e senhoras da décima arte.

São todos escolhidos a dedo.
Que medo, degredo.
A utilização da suposta situação, social ou material?
Nunca me debrucei sobre tal.

Críticos de eleição, vertiginosa, religiosa,
e ao peito trazem uma rosa,
negra de presunção.

São galifões, gostam de dar sermões,
acham-se uns grandes “mauzões”,
e julgam-se cheios de razões,
para tomar as melhores decisões.

Não ouvem, fazem demasiado barulho,
e no fim de tudo, quando a música chega ao fim,
duplicam o frenesim, e por meio de discussões,
dizem que chegam a conclusões, ah e tal, assim assim!

Acham-se anfitriões, os galifões.
Quem os convidou?
Quem é o responsável?
Eu não sou, só tento ser sociável.

Quanto à decisão tomada,
depois da debandada,
presunção, frenesim, discussão,
aí a coisa descamba.

O veredicto, é o da corda bamba,
a banda ninguém ouviu. 
– Na certa foi por um fio!
Exclamou o primo de um tio.

Galifões, outros bichos,
muitos para encher chouriços,
onde estão as decisões? E as conclusões?
Aquelas que ninguém vos pediu?

Dessas nada, nem um pio.

Lino Guerreiro

Acerca da revista Glosas – 10 depoimentos X 10 anos (VI)

Na quinta edição da revista Glosas de Janeiro de 2014, foi publicado um artigo de autor sobre O Saxofone Pedagógico, este é o primeiro manual Português direcionado para o ensino e aprendizagem do saxofone. O Saxofone Pedagógico é um método de saxofone que elaborei em coautoria com o saxofonista João Pedro Silva, concebido na nossa língua materna, e posteriormente traduzido para mais duas línguas, Inglês e Francês. Esta sua característica já a apontar numa perspetiva de diversidade, pluralidade, também se pode encontrar ao longo do método. Essa “consciência da diversidade” apontada como um dos aspetos-chave do método, é para mim e para João Pedro Silva de extrema importância para a arte musical contemporânea.

Continue reading “Acerca da revista Glosas – 10 depoimentos X 10 anos (VI)”

A “composição em tempo real” e (um) conceito de “obra aberta”

uma breve reflexão acerca de Prompting Performance: Text, Script and Analisys in Bryn Harrison’s être-temps, de Nicholas Cook.

Lino Guerreiro
linoguerreiro@me.com

No seu artigo Prompting Performance: Text, Script, and Analysis in Bryn Harrison’s être-temps (Cook, 2005), o autor foca entre outras coisas, a forma como a notação rítmica complexa utilizada pelo compositor Bryn Harrison, pode influenciar a performance, salientando ainda que essa interação entre a notação e o intérprete necessita de ser renovada em cada nova apresentação. Cook percorre um caminho baseado em diversa documentação acerca da obra être-temps de Bryn Harrison, e recorre a alguns artigos de sua autoria para contextualizar diversos pontos de vista. No final do artigo ele estabelece uma relação entre a obra de Harrison e a música em geral.

Continue reading “A “composição em tempo real” e (um) conceito de “obra aberta””

Carolina Deslandes – Por um Triz – Festival da Canção 2021

Mais uma participação do mixEnsemble no tema “Por um Triz” de Carolina Deslandes – Arranjo de Cordas e Orquestração, Lino Guerreiro & Valter Rolo

Continue reading “Carolina Deslandes – Por um Triz – Festival da Canção 2021”

Folk Song

(2 flautas, e quarteto de cordas | 2 flutes & string quartet)

linoguerreiro.com

também disponível para/also available to:

  • (2 flautas, e eletrónica | 2 flutes & electronics)

A canção que gerou uma tradição adaptada a uma nova tradição em constante adaptação. Nascida de um sonho, com um shakuhachi possivelmente presente.

Continue reading “Folk Song”

Fernando Tordo – “O possível Natal”

O videoclipe “O possível Natal”, com Valter Rolo a acompanhar ao piano as vozes de Fernando Tordo e Paulo de Carvalho, tem produção e arranjo musical de Valter Rolo e Lino Guerreiro, coro e arranjo vocal de João Castro e Teresa Rico e foi gravado, misturado e masterizado nos Estúdios Saffran por João Portela. A captação, produção e edição vídeo é de Miguel Ferro (Videoplanos).

Continue reading “Fernando Tordo – “O possível Natal””

Carolina Deslandes – Tempestade

Mais uma participação do mixEnsemble no tema “Tempestade” da Carolina – Arranjo e Orquestração, Lino Guerreiro & Valter Rolo

Continue reading “Carolina Deslandes – Tempestade”